Sou psicóloga e fiz formação em Psicodrama, pois sempre acreditei na força do “grupo”: O quanto podemos aprender juntos, o quanto o outro nos mostra quem somos, propicia evoluirmos e melhorar nossas atitudes. E continuo pensando assim e sempre que tenho oportunidade de estar em grupo aproveito também para crescer e absorver o melhor de cada companheiro.

Até alguns anos atrás nos especializamos em buscar no outro pontos de dificuldades, doenças, entraves, e focamos no problema pessoal de cada cliente, tanto no consultório, quanto nos trabalhos na empresa e em grupos terapêuticos.

Mas atualmente tenho agregado ao meu trabalho as práticas da Psicologia Positiva, que não é mais uma linha teórica ou abordagem da Psicologia, mas sim um movimento científico que tem foco no desenvolvimento das potencialidades das pessoas, dando luz a suas virtudes e forças de caráter, que são essenciais para o bem estar e felicidade autêntica.

Nos ajuda a transformar nossa vida, nossas atitudes e nossa performance diante de dificuldades e traumas, que também tem sua importância no contexto de cura e autoconhecimento. Porém a Psicologia Positiva nos conecta com o que temos de melhor e nos ajuda a perceber nossas facilidades, nos ajuda a pensar positivo, olhar para o belo, e agradecer tudo de bom que a vida tem nos oferecido.

No contexto de pandemia, nos ajuda a enfrentar as dificuldades com mais facilidade e mais compreensão das nossas possibilidades. Ou seja, em momentos de tanta negatividade, conseguir perceber as possibilidades de se recriar e se reinventar para si e para o mundo que nos cerca, torna-se prioritário.

Para este momento, onde muitas vezes nos percebemos mais ansiosos, ou até mesmo sem energia e preocupados com nosso futuro, diante das mudanças que a pandemia vem nos impondo, temos algumas dicas para melhorar este estado de ansiedade e mal estar:

Vamos fazer um exercício?

– Coloque-se de maneira confortável em uma cadeira ou se preferir pode se deitar;

– Vamos fazer três respirações usando o diafragma, onde ao inspirar sua barriga irá aumentar e ao expirar vamos soltar todo o ar ate quase colar nosso umbigo nas costas, bem devagar…

– Imagine uma luz branca entrando no topo de sua cabeça e relaxando todo seu corpo, desde os pés, pernas, abdômen, braços, pescoço, rosto, couro cabeludo, todos os órgãos internos, enfim todo seu corpo;

– Deixe-se entregue a este momento de relaxamento e procure não pensar em nada;

– Quando vier um pensamento, mande-o embora e volte a relaxar…

Ao sentir que relaxou e sentir vontade de abrir os olhos, faça com tranquilidade;

Agradeça por este momento de paz e tranquilidade.

Irá perceber que terá mais consciência e vai sentir um bem estar por estar conectado com você mesmo.

Espero que tenha uma ótima semana.

Não deixe de acompanhar nossas conversas por aqui. Na próxima edição falaremos de casos de sucesso com pessoas e grupos, através da prática da psicologia positiva.

Foto: Pixabay

Patrícia Corrêa é Psicóloga Clínica (CRP 12/00888) e especialista em Psicoterapia – Psicodrama/Psicologia Positiva. Atende a adolescentes e adultos. E-mail: [email protected] Whats App: (48) 99609-6905